domingo, 20 de setembro de 2015

Sou Companheira do Vento :)



Sou companheiro do vento
Sigo com ele o destino
Pelo caminho do nada
Não há quem saiba de mim
A não ser a semelhança
Da sombra mais apagada

Na tristeza do meu pranto
O vento chora comigo / Para não chorar sozinho
E longe da multidão
Esse pranto não tem voz / Só a terra o adivinha

Nada no mundo me prende
Sou companheiro do vento / E deixá-lo, não consigo
Na distância sou feliz
Não ouço a voz da maldade / E a paz anda comigo


I´m fellow of the wind
Follow with him the fate
The way of nothing
No one knows me
Unless the similarity
The shadow more deleted

The sadness of my tears
The wind cries with me/ For not to cry alone
And away from the crowd
This sorrow has no voice/ Earth the Only guess

Nothing in the worl arrest me
I´m fellow of the wind/ And I can't let him
In the distance I'm happy
I can't hear the voice of evil/ And peace walks with me

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

O Meu (en)Canto


Só falta dizer que mi amas!!!!!



Quis cantar a beleza de uma flor
Mas veio o frio e ela feneceu...
Quis cantar o prazer no teu olhar
Passou o tempo ... e desvaneceu.

Quis cantar o céu de anil tão puro
Veio a nuvem, e rápido o toldou...
Quis cantar a eterna juventude
Narciso que de si se enamorou...

Quis cantar a natureza verdejante
Só vi campos desertos, calcinados...
Quis cantar riso fácil, euforia,
Encontro em cada rosto olhos molhados.

Quis cantar venalidade e engano
Neste mundo transitório e cru...
Mudarei o tema do meu canto
Pois hoje, minha certeza, és Tu. :)) cof cof cof

Elisabete Aguiar